"Eu deixarei que morra em mim o desejo de amar os teus olhos que são doces.
Porque nada te poderei dar senão a mágoa de me veres eternamente exausto.
No entanto a tua presença é qualquer coisa como a luz e a vida
E eu sinto que em meu gesto existe o teu gesto e em minha voz tua voz."

V. de Moraes

O voo

bertolucciociro:


e já não faz mais sentido

fincar as raízes nesta terra

de muito me lembro

e de muito me desfaço

sem culpa

minha angustia não é a de ir

mas a de ficar…

como ela ficou em mim

que os deuses ou sei lá o que

me tirem do estômago

este aperto de existir e de acabar

que o vento

me seja o mantra

de caminhos e silêncio

como quando mergulho na água

e brinco de voar

Anonymous:
Seu tumblr é foda, como você faz pra ser tao indie?

indie eu? kkkkk q nada, são só as coisas q eu gosto muito. Abração!